Alunos da rede estadual de ensino de Sento Sé estão sem transporte escolar, reclama professora

Por Irlander Bacelar 14/06/2017 - 19:53 hs

A professora Ivonete Ferreira da Silva reclamou da dificuldade que alguns alunos do município de Sento-Sé-BA, estão enfrentando para frequentarem a escola. Ela trabalha no Colégio Estadual Sete de Setembro e informou que desde o inicio do ano letivo, os alunos estão com dificuldades para chegarem a instituição, já que os transportes escolares do estado estão parados.

Os alunos do interior estão passando por essa situação há meses. O motivo é a falta de pagamento dos transportes escolares. A empresa responsável pelo serviço está sem receber o pagamento do estado e os funcionários não estão trabalhando”, declarou a professora.

Ainda de acordo com ela, o diretor da escola já entrou em contato com o Núcleo Territorial de Educação 10, antiga Direc 15, para tentar resolver o problema, mas até o momento a situação continua a mesma. “Até agora ninguém fez nada. O Núcleo informou que ia resolver o problema, mas até agora os pagamentos não saíram. Já estamos no mês seis e nada deles revolverem. Os alunos estão sendo muito prejudicados”, concluiu a educadora.

O PNB entrou em contato com o diretor do Colégio, José Pereira, que confirmou a situação. “Esse impasse entre o Governo do Estado e a empresa que presta o serviço está afetando diretamente os nossos alunos. Como um paliativo para o problema, a nossa gestão vem pedindo apoio à Prefeitura Municipal. Mas nós precisamos de uma solução definitiva”, informou o gestor.

José Pereira disse ainda que espera que o problema seja resolvido logo. “A gente tem acompanhado o andamento dos acordos entre o governo e a empresa de transportes. O NTE 10 informou que o problema seria resolvido até maio, mas isso não aconteceu. Ouvimos falar que o governo fará um novo contrato e que os transportes voltarão a rodar entre no final desse mês, mas sem resolver os pagamentos retroativos. Estamos na incerteza e queremos uma solução o mais rápido possível”, finalizou o gestor.

Informações: Yonara Santos/Portal pretonobranco